Imagem Lúcia Rocha afirma que obras do novo presídio estão paralisadas

Lúcia Rocha afirma que obras do novo presídio estão paralisadas

Arquivo

03/12/2009 21:09:00


Em seu pronunciamento na sessão desta quinta-feira (3), a vereadora Lucia Rocha (DEM) parabenizou a Associação dos Pequenos Agricultores do Poço Comprido I e Matinha pela luta para a construção de uma barragem para armazenamento da água da chuva. Rocha afirmou que essa luta também é de seu mandato, que sempre esteve sensível ao problema da falta d´água na zona rural.
Superlotação do presídio - A superlotação do presídio Nilton Gonçalves também foi destaque no pronunciamento da  vereadora, que ressaltou a situação precária e caótica da unidade prisional. A fuga de 30 presos do Nilton Gonçalves foi lamentada pela vereadora, que informou que as obras do novo presídio foram paralisadas.
“As obras estão paradas por conta de entraves do projeto da Caixa Econômica Federal. Mais uma vez essa desculpa de falha do projeto é apresentada como motivo da paralisação das obras. Isto é um absurdo, não podemos nos calar”, disse a parlamentar, ressaltando que o Governo do Estado deve ser acionado para que as obras sejam reiniciadas.
A vereadora afirmou que visitou o Distrito Integrado de Segurança Pública (Disep), onde ficou estarrecida ao presenciar três pessoas presas dentro de uma gaiola nas dependências do Disep. Rocha fez duras críticas ao governo petista que, mesmo contando com recursos federais, estaduais e municipais não toma providências quanto ao problema da superlotação do Disep. 



Rádio Web Câmara
Facebook
Calendário

Maio 2019
19

Seg

Ter

Qua

Qui

Sex

Sab

Dom

1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31