Imagem TRIBUNA LIVRE: Vice-diretora cobra investimentos para Centro Educacional Moisés Meira, do distrito de José Gonçalves

TRIBUNA LIVRE: Vice-diretora cobra investimentos para Centro Educacional Moisés Meira, do distrito de José Gonçalves

Câmara de Vitória da ConquistaSessão OrdináriaTribuna LivreNotícia

14/12/2018 10:00:00


Durante a sessão ordinária da Câmara Municipal de Vitória da Conquista (CMVC), na manhã desta sexta-feira, 14, a vice-diretora da Centro Educacional Moisés Meira, no distrito de José Gonçalves, Lígia Correia, utilizou a Tribuna Livre para cobrar melhorias na estrutura física do prédio que abriga a unidade escolar. “A situação é crítica e preocupante”, apontou a professora. “Estou aqui solicitando a todos os vereadores e a esta Casa que adicionem ao orçamento do município a ampliação da Escola Moisés Meira”, pediu ela.

Lígia Correia elencou as intervenções “principais e emergenciais” que a estrutura está precisando:

Módulo I:
Construção de quatro salas de aula para colocar o Seguimento I  por completo em um só espaço;
Término dos banheiros da Educação Infantil e demais turmas do Ensino Fundamental I;
Instalação de bebedouros;
Término do piso em frente às salas;
Construção de refeitório;
Construção de parquinho para os alunos da Educação Infantil;
Cobertura dos corredores;
Instalação de entrada separada.

Parte Antiga:
Cobertura na frente da escola até o pátio;
Liberação das salas interditadas;
Revisão da parte hidráulica;
Substituição dos componentes da parte elétrica;
Recuperação do telhado;
Troca do forro das salas;
Acabamento das paredes rachadas;
Nivelamento do piso irregular;
Colocação de pisos e ampliação de depósitos e cozinha;
Construção de uma guarita;
Ampliação de salas;
Ampliação das salas de professores, direção e coordenação;
Construção de refeitório para o Seguimento II;
Construção de base para as caixas d’água;
Construção de alambrado da quadra.

A vice-diretora apontou que o atendimento das demandas apresentadas seria um excelente presente do Governo Municipal à escola que está chegando aos seus 70 anos e, atualmente, segundo ela, tem tido prejuízos pedagógicos causados pela infraestrutura inadequada. Ela também pediu que as escolas da zona rural do município recebam o mesmo tratamento das escolas da zona rural. “É importante salientar que as escolas rurais precisam ter o mesmo tratamento que as urbanas”, concluiu.

Garantia dos direitos de alunos da zona rural - Comentando a Tribuna, o vereador líder da Bancada de Oposição, Valdemir Dias (PT) disse que o fato de a Prefeitura destinar investimentos em obras de escolas apenas para a zona urbana, excluindo as unidades da zona rural é “grave”. “E a extensa zona rural do nosso município, como é que fica?”, questionou Dias. “O mesmo direito que os alunos da zona urbana têm, os alunos da zona rural também têm”, apontou o parlamentar, cobrando uma mudança na postura do Governo Herzem Gusmão.

Valdemir disse que o Orçamento do Município está em tramitação na Casa, podendo receber emendas e atendeu ao pedido da vice-diretora, destinando emenda impositiva para a unidade escolar. “Estou colocando minha emenda impositiva, eu e a vereadora Viviane, colocando R$ 109 mil, cada um, destinados a reforma, ampliação da estrutura da Escola Moisés Meira”, anunciou.

Governo tem atenções voltadas à zona rural – Comentando pela Bancada de Situação, o líder do Prefeito na Câmara, Luís Carlos Dudé (PTB) destacou a representação histórica do Centro Educacional Moisés Meira, assim como do distrito de José Gonçalves. “São 70 anos desta escola lá no distrito de José Gonçalves”, lembrou. 

Dudé garantiu que escolas da zona rural também receberão investimentos do Governo Municipal. “Dentro da reforma das escolas propostas pelo Executivo não está somente nas escolas da zona urbana”, disse ele apontando que o Poder Executivo está comprometido também com as escolas da zona rural. “Eu acho que na verdade nós temos que fazer a cobrança, sim, agora saber que a reforma chegará também na zona rural. O objetivo desse governo é cuidar da educação como um todo na zona urbana e na zona rural. Uma escola histórica, de 70 anos, não ficará de fora dessas reformas”, emendou o parlamentar.



Rádio Web Câmara
Facebook
Calendário

Maio 2019
19

Seg

Ter

Qua

Qui

Sex

Sab

Dom

1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31